quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Promotora que inocentou Bolsonaro,apoiou vandalismo com placa de Marielle

Carmen Carvalho também tem foto, no seu Instagram, com deputado que quebrou placa de homenagem à vereador Marielle Franco, assassinada


Na coletiva de ontem, o MP-RJ negou versão apresentada por um porteiro do condomínio onde o presidente mantém duas casas e afirmou que não foi Bolsonaro o responsável por autorizar a entrada de Élcio de Queiroz, um dos acusados de matar a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes, no residencial Vivendas da Barra.

 A reportagem questionou o MP-RJ se o órgão vê uma possível falta de isenção da promotora para atuar no caso, uma vez que Bolsonaro foi citado em depoimento, mas ainda não teve resposta.

No dia da posse de Bolsonaro, em janeiro deste ano, a promotora escreveu que “há anos” não se sentia tão emocionada. Antes, ao celebrar a vitória do então presidente eleito, comemorou que o Brasil teria se livrado do “cativeiro esquerdopata”. “Patriotismo.
 Assim que se constrói uma NAÇÃO! União em prol do Brasil! Família, moral, honestidade, vitória do bem!”, anotou.


Na foto com Amorim, a promotora aparece com a Medalha Tiradentes pendurada no pescoço. Ela foi agraciada com a maior honraria do Legislativo fluminense em setembro deste ano, por iniciativa do deputado Delegado Carlos Augusto (PSD). “Sempre tive certeza de que a minha árdua tarefa de vida seria o combate aos criminosos, que acabam com a paz no Rio de Janeiro“, disse Carmen na ocasião

Um comentário:

  1. 😂😂😂 tenho até nojo de ler uma matéria desses tipos de blogs
    ( promotora que inocentou Bolsonaro )😂😂
    Essas reportagens só serve pra os esquerdistas manipulados por postagem lixo 👍

    ResponderExcluir